PATROCINADORES

“Fascista comigo é na chibata”, diz Ciro Gomes

A língua afiada de Ciro Gomes (PDT) voltou a entrar em ação nesta terça-feira (2). Em discurso para uma plateia de sindicalistas, em Santos (SP), o presidenciável defendeu uma grande reconciliação nacional após as eleições, mas afirmou que “não cabe todo mundo no mesmo barco”. Foi aí que Ciro soltou sua indireta para Jair Bolsonaro (PSL), líder nas pesquisas de intenção de voto: “fascista comigo é na chibata”. O pedetista, porém, disse na sequência que a chibatada é apenas retórica, talvez prevendo a repercussão que a declaração poderia gerar.

Por que é importante

A frase aumenta a coleção de polêmicas de Ciro, conhecido por seu temperamento explosivo

Quem ganha

Os apoiadores de Bolsonaro, que ganham munição para taxar a oposição ao candidato como virulenta

Quem perde

Ciro, que se contradiz ao criticar a intolerância

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um × um =

Pergunte para a

Mônica.