PATROCINADORES

Ex-procurador é denunciado por “jogo duplo” no caso J&F

O empresário Joesley Batista e o ex-procurador da República Marcelo Miller foram denunciados nesta segunda-feira (25) pelo crime de corrupção. Segundo o Ministério Público Federal, Miller aceitou a promessa de receber R$ 700 mil em vantagem indevida para fazer jogo duplo na delação do grupo J&F.

Por que é importante

O MPF aponta que Marcelo Miller, ainda como procurador, atuou em favor da J&F durante o processo de assinatura do acordo de delação. Ele foi contratado em seguida pelo escritório de advocacia que fazia a defesa do grupo empresarial

Quem ganha

A atual Procuradora-Geral da República, Raquel Dodge

Quem perde

Miller e Joesley, que podem ser condenados no caso

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

12 + 13 =

Pergunte para a

Mônica.