Document
PATROCINADORES

Ex-Dersa é indiciado por suspeita de fraude no Rodoanel

A Polícia Federal indiciou nesta segunda-feira (23) o ex-presidente da Dersa Laurence Casagrande Lourenço e mais onze pessoas por suspeita de desvio de R$ 600 milhões em obras do Rodoanel. A investigação da PF apontou que os envolvidos praticaram crimes de fraude à licitação, associação criminosa e falsidade ideológica.

Por que é importante

Laurence Casagrande Lourenço foi secretário estadual no governo Geraldo Alckmin (PSDB)

Quem ganha

O combate à corrupção no Brasil

Quem perde

O tucano. O caso pode ser usado contra ele na campanha eleitoral

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.