PATROCINADORES

Eleição presidencial nunca teve virada desde 1989

Pelo menos desde o processo de redemocratização do país, em 1989, nunca houve uma virada no segundo turno na eleição presidencial. Naquele ano, Fernando Collor saiu vitorioso no primeiro turno e confirmou o favoritismo no segundo. Fernando Henrique Cardoso (PSDB) venceu no primeiro turno em 1994 e 1998. Os petistas Lula e Dilma Rousseff precisaram de dois turnos para serem eleitos e reeleitos, mas ambos saíram em vantagem na primeira parte da disputa.

Por que é importante

Em 2018, o segundo turno será entre Jair Bolsonaro e Fernando Haddad. O candidato do PSL terminou a votação com 46,03% dos votos válidos, contra 29,28% do petista

Quem ganha

Bolsonaro, que larga em vantagem e tenta manter o retrospecto das disputas anteriores

Quem perde

Haddad, que buscará o feito inédito desde 1989

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

doze + dezenove =

Pergunte para a

Mônica.