Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Top

Nenhum comentário

De volta para o crime: PF prende doleiro delator da Lava Jato

De volta para o crime: PF prende doleiro delator da Lava Jato

A Polícia Federal prendeu nesta terça-feira (15) o doleiro Carlos Alexandre de Souza, conhecido como Ceará, em uma operação contra lavagem de dinheiro do tráfico internacional de drogas. Já investigado na Operação Lava Jato, Souza atuava como entregador de propinas do doleiro Aberto Youssef e firmou acordo de delação premiada com a PGR – posteriormente homologado pelo STF. “Quanto ao operador financeiro, chama atenção o fato de ter retornando às suas atividades ilegais. A Procuradoria e o Supremo serão comunicados sobre a prisão do réu colaborador para avaliação quanto à ‘quebra’ do acordo firmado”, destacou a PF em nota.

Por que é importante
Na colaboração, fechada em junho de 2015, Ceará mencionou ter repassado dinheiro a políticos como Aécio Neves, Fernando Collor e Renan Calheiros
Quem ganha
A PF, que pretende reunir informações complementares da prática dos crimes de lavagem de dinheiro
Quem perde
O doleiro, que deverá ter o acordo com a Lava Jato rompido

Envie seu comentário

quatro × 1 =