Document
PATROCINADORES

CPI revela trem invisível da alegria para Las Vegas

A CPI da Pandemia estreou uma nova modalidade de delação na oitiva desta quinta-feira (23), com o depoimento de Danilo Trento, da empresa Primarcial, ligada à Precisa Medicamentos. Munido de um habeas corpus (HC) preventivo, ele manteve o direito de não responder às perguntas dos senadores que pudessem o incriminá-lo. E foi aí que surgiu a delação silenciosa de um até então ignorado trem da alegria.

Questionado sobre uma viagem ocorrida entre 23 de janeiro e 27 de janeiro de 2020 a Las Vegas, nos EUA, na qual teriam participado senadores, Trento se recurou a citar quem seriam os participantes para não se incriminar. Como o silêncio confirmou alguma participação do depoente, agora a CPI quer descobrir quem pagou a festa, que tem todo o jeito de um regabofe turístico para fazer algum lobby – e já se suspeita qual seria. Dessa vez, o que aconteceu em Las Vegas não deve ficar por lá.

O senador Eduardo Girão (Podemos-CE) revelou que o ex-presidente da Embratur e atual Ministro do Turismo, Gilson Machado, esteve na excursão. A comitiva teria interesse na implementação de cassinos em hotéis brasileiros, o que é pauta parlamentares de estados turísticos e do governo federal. Este ano, também foi criado pelo presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), um grupo de trabalho (GT) para discutir a matéria. O relator é o deputado Bacelar (Pode-BA), presidente da Comissão de Turismo da Casa.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.