PATROCINADORES

Convidado por Bolsonaro, Temer tem autorização para ir ao Líbano

O ex-presidente Michel Temer (MDB) recebeu aval da Justiça Federal para realizar uma viagem ao Líbano entre 12 e 15 de agosto. Temer foi convidado pelo presidente Jair Bolsonaro para integrar a missão que levará ajuda humanitária do governo brasileiro ao país, depois da explosão que atingiu a região portuária da capital Beirute. O emedebista foi escolhido por Bolsonaro para chefiar a comitiva por ser filho de libaneses. Réu em duas ações penais, o ex-presidente não poderia deixar o país sem autorização da 7ª Vara Federal Criminal do Rio de Janeiro.

Por que é importante

A missão oficial marca uma aproximação entre o presidente Jair Bolsonaro e seu antecessor, Michel Temer

Quem ganha

Temer, que volta ao centro das discussões políticas

Quem perde

Bolsonaristas que criticam as articulações do governo com investigados por corrupção

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários