PATROCINADORES

CMN barra distribuição de dividendos

O Conselho Monetário Nacional (CMN) anunciou, nesta segunda-feira (6), que a distribuição de dividendos e os eventuais aumentos de remuneração dos administradores de instituições financeiras estão temporariamente vedadas. O mesmo vale para outras instituições que operam mediante autorização do Banco Central (BC). A medida visa reduzir os impactos econômicos do coronavírus. O comunicado do CMN informa que a decisão quer: “evitar o consumo de recursos importantes para a manutenção do crédito e para a eventual absorção de perdas futuras”.

Os pagamentos estão barrados até 30 de setembro e não poderão ser enquadrados como obrigações futuras. O BC informa que as instituições financeiras possuem níveis de capital e de liquidez “bem acima dos requerimentos mínimos estabelecidos”, mas é preciso adotar cautela.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.