PATROCINADORES

Caso Queiroz: Gilmar suspende investigações contra Flávio Bolsonaro

O ministro Gilmar Mendes, do STF, mandou suspender as investigações contra o senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) nos casos relacionados às movimentações atípicas nas contas de seu ex-assessor parlamentar Fabrício Queiroz. Gilmar atendeu a um pedido da defesa do filho do presidente Jair Bolsonaro (PSL). Os advogados reclamaram que as apurações contra o parlamentar continuaram mesmo após a liminar concedida pelo presidente da Corte, ministro Dias Toffoli, barrando ações que usam dados do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) – hoje Unidade de Inteligência Financeira (UIF) – sem autorização da Justiça.

Por que é importante

O caso Queiroz vai ficar paralisado até o plenário do STF decidir sobre o uso de dados do extinto Coaf em investigações

Quem ganha

Flávio Bolsonaro, que ganha mais tempo para organizar sua defesa

Quem perde

O Ministério Público do Rio de Janeiro, que conduz as investigações

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

um + dez =

Pergunte para a

Mônica.