PATROCINADORES

Cármen Lúcia autoriza corte de ponto de grevistas da Receita

A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, concedeu liminar nesta terça-feira (12) que permite descontar da folha de pagamento dos auditores fiscais da Receita Federal do Porto de Santos os dias parados por greve. Com essa medida, a presidente do STF reverte decisão anterior do Supremo, que havia suspendido o corte de ponto por 90 dias. Cármen Lúcia atendeu pedido da Advocacia-Geral da União (AGU) e disse que o não desconto gera risco à ordem pública.

Por que é importante

Na segunda-feira (12), o sindicato dos auditores fiscais da região do porto de Santos aprovou greve até o dia 30 deste mês por recomposição salarial

Quem ganha

Os cofres públicos. Segundo a AGU, a greve deve ter um impacto financeiro de R$ 10,1 milhões por dia

Quem perde

Os grevistas, que terão os dias não trabalhados descontados

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 × 3 =

Pergunte para a

Mônica.