PATROCINADORES

Candidatos do PSL quebram placa em homenagem a Marielle Franco

Candidato a deputado estadual no Rio de Janeiro pelo PSL, partido de Jair Bolsonaro, Rodrigo Amorim postou uma foto no Facebook com uma placa em homenagem a Marielle Franco, executada no começo do ano, partida ao meio. Amorim aparece na imagem ao lado de Daniel Silveira, candidato a deputado federal pelo mesmo partido. Os aliados de Bolsonaro afirmaram que agiram para evitar a “depredação do patrimônio público”. Segundo eles, a placa com o nome de Marielle teria sido colocada após a remoção ilegal da placa original, na Cinelândia, no Rio.

Por que é importante

Vereadora pelo PSOL carioca, Marielle Franco foi assassinada a tiros no dia 14 de março. As motivações para o crime ainda não foram esclarecidas pela polícia

Quem ganha

Os dois candidatos pelo PSL, que ganham pontos perante a sua militância

Quem perde

A moderação, que anda em baixa em tempos de forte polarização e intolerância

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.