PATROCINADORES

Campanha do PT gasta milhões com empresas investigadas na Lava Jato

Reportagem do jornal Folha de S. Paulo publicada nesta quinta-feira (4) mostra que a campanha do PT à Presidência gastou quase R$ 8 milhões em empresas relacionadas à Operação Lava Jato. Os repasses começaram enquanto Luiz Inácio Lula da Silva ainda era o candidato oficial do partido, e continuaram após Fernando Haddad assumir o posto. A empresa que mais recebeu recursos foi a Rentalcine, maior fornecedora da campanha, com R$ 7 milhões em serviços prestados. A companhia tem como sócios um réu na Lava Jato e um delator na justiça peruana, que tem relação com o esquema da Odebrecht no país.

Por que é importante

A contratação de companhias investigadas pela Lava Jato reforçam a impressão de que o PT não aprendeu com os erros do passado

Quem ganha

As empresas, que conseguiram contratos com a campanha mesmo implicadas em investigações

Quem perde

Empresas idôneas que não conseguem ter acesso ao mercado das campanhas eleitorais

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 × três =

Pergunte para a

Mônica.