Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Top

Bolsonaro nega recuo na decisão de indicar filho para embaixada

Bolsonaro nega recuo na decisão de indicar filho para embaixada

O presidente Jair Bolsonaro (PSL) garantiu nesta quarta-feira (21) que vai manter a decisão de indicar o filho Eduardo Bolsonaro (PSL-SP) para a embaixada brasileira em Washington, nos Estados Unidos. Bolsonaro afastou os rumores de que poderia recuar e acrescentou que a escolha será formalizada quando o deputado federal avaliar que é o momento certo.

“(O nome) vai ser apresentado ao Senado. Vai ser, não tem recuo. É o momento certo. E o Eduardo está estudando, está se preparando. Vai ser uma sabatina em que todos vocês estarão lá, todos sem exceção. É igual urubu na carniça, né? Vai estar todo mundo lá de olho”, disse aos jornalistas na entrada do Palácio da Alvorada.

Por que é importante
Sondagens feitas recentemente mostram uma certa resistência por parte dos senadores, que precisam aprovar a indicação. Por isso, Bolsonaro e o filho tentam ganhar tempo para construir maioria na Casa
Quem ganha
Eduardo. O parlamentar segue prestigiado pelo pai, que quer torná-lo embaixador para estreitar as relações com o governo Donald Trump
Quem perde
Há o risco de constrangimento para o governo se a escolha for barrada no plenário do Senado