PATROCINADORES

Bolsonaro desiste de ir a Davos; Guedes representará governo

O porta-voz da Presidência da República, Otávio Rêgo Barros, informou na quarta-feira (8) que o presidente Jair Bolsonaro cancelou a ida ao Fórum Econômico Mundial, em Davos, na Suíça. O evento, que será realizado entre 21 e 24 de janeiro, reúne os líderes e CEO das maiores empresas do mundo. A decisão do Planalto foi tomada em meio ao aumento da tensão no Oriente Médio. “O presidente e equipe de assessores analisam uma série de aspectos, aspectos econômicos, de segurança, políticos, e o somatório desses aspectos, quando levados à apreciação do presidente, lhe permitiu avaliar que não seria o caso, neste momento, de participar desse fórum”, afirmou Rêgo Barros. O governo brasileiro será representado pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, que tem recebido pedidos para encontros com executivos de multinacionais.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.