PATROCINADORES

Alto Comando do Exército se reúne para ver julgamento

Os tweets do comandante do Exército, general Eduardo Villas Bôas, de repúdio à impunidade (uma clara referência ao caso Lula) continuam a exacerbar tensões. Circula em Brasília a informação de que o Alto Comando do Exército se reuniu na tarde desta quarta-feira (4) para acompanhar o julgamento do habeas corpus do ex-presidente Lula pelo Supremo Tribunal Federal e o possível fim da prisão em segunda instância. Procurada, a assessoria de imprensa do Estado Maior das Forças Armadas informou o seguinte:  “Trata-se de uma prescrição regulamentar, onde o militar, ao chegar em uma guarnição diferente da que serve, se apresenta ao militar mais antigo da região de destino. Aproveitando o deslocamento de alguns Oficiais Generais para a guarnição de Brasília, em virtude da solenidade de promoção de Oficiais Generais, foi agendada uma visita de cortesia às 17:00h do dia 4 de abril de 2018 ao Comandante do Exército.”

Por que é importante

O encontro reforça a sensação de que os militares estão atentos aos desígnios da Justiça brasileira.

Quem ganha

A instabilidade no país.

Quem perde

A democracia. Zelar pela soberania nacional é a principal atribuição do Exército. Quando ele cruza essa fronteira, o Estado Democrático de Direito corre riscos

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

20 + sete =

Pergunte para a

Mônica.