Document
PATROCINADORES

Alckmin: o adepto do “jogo parado” que não sobe nas pesquisas

Pesquisa por telefone feita pelo Ipespe entre os dias 11 e 13 de junho colocou o ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin (PSDB) num empate técnico com o senador Álvaro Dias (Podemos) em quatro cenários – e longe de Jair Bolsonaro (PSL). O tucano aparece entre 7% e 8% dos votos e Dias tem 6%. Bolsonaro tem de 19% e 22%, Marina Silva (Rede) tem 10% a 13% e Ciro (PDT), 6% a 10%. A margem de erro é de 3,2 pontos porcentuais.

Álvaro Dias é senador pelo Paraná desde 1999 e foi governador entre 1987 e 1991. O Paraná tem cerca de 11 milhões de pessoas – menos que a cidade de São Paulo, que tem 12 milhões. Alckmin comandou o estado mais populoso do país (cerca de 45 milhões de habitantes) entre 2001 e 2006 e de 2011 a 2018. E é presidente do PSDB, que divide com o PP a posição de terceiro partido com maior número de filiados (1,4 milhão, ante 2,4 milhões do MDB e 1,6 milhão do PT). O Podemos tem 166 mil filiados.

Alckmin é conhecido por “jogar parado”. Ele age como um piloto de Fórmula 1 que corre sem pisar fundo, nem tentar ultrapassagens e ganha uma corrida por ser o único competidor a não se envolver num acidente. É uma estratégia arriscada. Enquanto ele não faz nada, o presidente de honra do PSDB, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso, acena em favor de uma grande coalizão dos partidos de centro tendo como cabeça de chave Marina Silva ao mesmo tempo em que, em público, defende Alckmin. Se não mostrar jogo, Alckmin poderá ser barrado. E, sentado no banco, vai assistir a disputa entre os que se expuseram e colocaram a cara a tapa. Goste-se ou não delas, Bolsonaro, Ciro, Dias e, em menor grau, Marina, estão apresentando suas propostas ao eleitor.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

12 respostas

  1. Alckmin vai chegar lá. Tem competencia pra isso. Ele vai decolar na hora certa, estará no segundo turno e será nosso próximo presidente.

  2. Acredito que com achegada da campanha de fato e dos debates a candidatura de Alckmin vai crescer muito pois diferente dos demais ele realmente tem oque mostrar.

  3. Pesquisa agora não diz nada! Alckmin é o mais preparado, o que mais tem propostas e serviço prestado! Quando começarem os debates e programas eleitorais, o povo vai ver que o mais competente é o Geraldo, e é disso que o Brasil precisa agora!

  4. O que significa pesquisas neste momento? NADA! Não indica intenção de voto! Eu acredito que Geraldo Alckmin está crescendo e conquistando aos poucos. O Brasil vai avançar!

  5. Enquanto a maioria estão preocupados com pesquisas “FAKES” Alckmin está preocupado em mostrar suas propostas e dialogar com a população! Alckmin está no caminho certo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.