Document
PATROCINADORES

54% querem abertura de impeachment contra o presidente, aponta DataFolha

Divulgada neste sábado (10) no portal UOL, a mais recente pesquisa nacional do Instituto DataFolha determina que, pela primeira vez, a maioria dos entrevistados é estatisticamente favorável à abertura de um processo de impedimento contra o presidente Jair Bolsonaro (sem partido). A popularidade do mandatário já estava abalada pelo desempenho do governo na economia e no combate precário à pandemia, perdendo ainda mais força com o surgimento de suspeitas de corrupção na compra de vacinas.

No levantamento, 54% são favoráveis à ação e 42%, contrários. Foram entrevistadas presencialmente 2.074 pessoas maiores de 16 anos, em todo o país, entre 7 e 8 de julho. A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou menos. Na pesquisa anterior, entre 11 e 12 maio, houve um empate técnico, com 49% a favor e 46% contra.

Os que defendem o processo de impeachmente estão assim divididos: mulheres (59%), jovens (61%), mais pobres (60% do maior grupo, que perfaz 57% da amostra), moradores do Nordeste (64%), pretos (65%) e homossexuais ou bissexuais (77%).

Entre os que apoiam o presidente, a composição é esta: mais velhos (49%), evangélicos (56%), quem ganha de 5 a 10 salários mínimos (62%), mais ricos (59%) e empresários (68% de um grupo que perfaz 2% da amostra), moradores do Norte e Centro-Oeste (52%). Na Região Sul há empate de 49%.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.