Document
PATROCINADORES

Z1 levanta R$ 55 milhões em rodada imprevista

Fintech brasileira que almeja ser um banco digital dos consumidores com menos de 35 anos, a Z1 anunciou nesta quarta-feira (24) que levantou uma nova rodada de investimentos de R$ 55 milhões. A captação de série A liderada pela Kaszek Ventures vem seis meses depois de a empresa levantar de R$ 14 milhões em fase semente. Com o dinheiro, a startup fundada em 2019 quer aumentar sua base de usuários em até dez vezes, dobrar o time e criando novos produtos.

Além da Kaszek, participaram do aporte os fundos MAYA, Homebrew, Clocktower e Mantis, da dupla de produtores e DJs The Chainsmokers. A Z1 oferece conta digital e cartão de crédito pré-pago para clientes nascidos entre 1995 e 2015, principalmente. A empresa não revela sua base de clientes, mas usa como termômetro seus seguidores nas redes sociais. “São mais de 270 mil no TikTok. Acho que dá para ter uma noção do nosso impacto com essa geração”, conta João Pedro Thompson, cofundador e presidente.

Thompson criou o negócio junto aos sócios Sophie Secaf, Thiago Achatz e Matheus Craveiro (imagem). Thompson conta que a nova rodada não estava nos planos, pois contavam com capital para operar até pelo menos o fim de 2022. “O foco era abaixar a cabeça e acelerar a operação”, diz o empreendedor tornado alto executivo. Mas a Kaszek quis aumentar a aposta. “O acordo foi bom e não deu para recusar”, afirma.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.