Document
PATROCINADORES

Vale tem interdição na barragem Xingu

A mineradora Vale informou nesta sexta-feira (4) a paralisação da circulação de trens no Ramal Fábrica Nova, da Estrada de Ferro Vitória a Minas (EFVM), no Complexo Mariana (MG). A decisão ocorreu após uma notificação da Superintendência Regional do Trabalho, que pediu a interdição das atividades em áreas próximas à barragem de rejeitos Xingu, da Mina Alegria. Não há detalhamento sobre os motivos da interdição.

A medida impactará a produção de 40,5 mil toneladas de finos de minério de ferro por dia. Em comunicado enviado à Comissão de Valores Mobiliários (CVM), a Vale explicou que a medida impedirá o escoamento do material à usina Timbopeba, com impacto em 33 mil toneladas de finos de minério de ferro por dia. Também foram interditados alguns acessos internos da Mina Alegria, com impactos parciais em 7,5 mil toneladas de finos de minério de ferro por dia.

A empresa explicou que a Barragem Xingu permanece no nível 2 do Plano de Ação de Emergência de Barragens de Mineração (PAEBM), ou seja, não haveria risco iminente de ruptura, como o ocorrido em Brumadinho, com a Vale, e em Mariana, com a Samarco.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.