PATROCINADORES

Marcelo Odebrecht vai para prisão domiciliar

Marcelo Odebrecht deixou a cadeia após ficar dois anos e meio preso, mas a nova vida não será fácil. Ele chegará em casa para cumprir prisão domiciliar brigado com o pai, a mãe, a irmã e o cunhado. O motivo: acha que saiu prejudicado no acordo com a Justiça. Marcelo também não se conforma que o ex-presidente do grupo Newton de Souza e o vice-presidente jurídico, Maurício Ferro, não tenham sido incluídos no rol de 78 delatores da empresa.

Por que é importante

O preso mais célebre da Lava Jato encara a nova fase de sua pena

Quem ganha

Além de Marcelo, sua mulher, Isabela, e as três filhas do casal

Quem perde

A Odebrecht, que tenta de restabelecer em meio ao fogo cruzado da família que a controla

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

doze − 5 =

Pergunte para a

Mônica.