PATROCINADORES

Braskem deve ser garantia da Odebrecht para conseguir R$ 2,6 bi

A Odebrecht está perto de um acordo com os cinco maiores bancos do Brasil para conseguir até R$ 2,6 bilhões em novas linhas de crédito. Segundo o jornal Valor Econômico, o grupo deve usar como garantia seu principal ativo, a Braskem. A fatia da Odebrecht na petroquímica equivale a R$ 14,5 bilhões.

Por que é importante

A Odebrecht tenta se reerguer e honrar compromissos com os credores após o envolvimento em uma série de escândalos de corrupção apurados pela Operação Lava Jato

Quem ganha

O grupo Odebrecht, com a valorização da Braskem no mercado

Quem perde

A Odebrecht Engenharia e Construção (OEC), que poderá ser declarada inadimplente se a empresa não conseguir novos financiamentos

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

15 + cinco =

Pergunte para a

Mônica.