PATROCINADORES

Apple é investigada no Reino Unido por prejudicar livre concorrência na App Store

 A Autoridade de Concorrência e Mercados do Reino Unido (CMA, na sigla em inglês) iniciou uma investigação sobre a gigante tecnológica Apple. A empresa recebeu sucessivas reclamações de desenvolvedores de aplicativos sobre as condições injustas à concorrência impostas por sua loja virtual, a App Store. Há muito tempo a política de pagamento da App Store é alvo de insatisfação. Um dos focos do anúncio desta quinta-feira (4) da agência reguladora é o sistema de remuneração, que varia entre 15% e 30%, sem justificativas razoáveis aparentes. Vale lembrar que em 2020, a Comissão Europeia abriu uma investigação contra a App Store pelos mesmos motivos.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 × um =

Pergunte para a

Mônica.