Document
PATROCINADORES

Senado aprova capital estrangeiro em aéreas brasileiras e bagagem grátis

O Senado aprovou nesta quarta-feira (22) a medida provisória que autoriza a participação de 100% de capital estrangeiro em companhias aéreas brasileiras e obrigou a volta da bagagem grátis em voos. A abertura do setor deve ampliar o número de empresas que operam rotas domésticas. O grupo espanhol Globalia, que controla a Air Europa, já pediu autorização da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) para a exploração de serviços. A chilena Sky e a norueguesa Norwegian também estudam solicitar a licença para voos dentro do Brasil.

Por que é importante

O governo avalia que a medida irá estimular a competitividade, ampliar o número de rotas e reduzir o preço dos bilhetes

Quem ganha

Os passageiros, com mais opções para voar

Quem perde

Protecionistas, contrários à abertura total do setor aéreo para empresas estrangeiras

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.