Document
PATROCINADORES

Soja e pecuária ameaçadas; cortando o cigarro; água limpa, esgoto tratado

O boletim de MONEY REPORT sobre questões ambientais, sociais e de governança no mundo dos negócios

Saneamento e segurança hídrica com critérios ambientais

O Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR) assinou acordos de cooperação técnica com oito associações do setor privado que atuam em projetos de saneamento básico, segurança hídrica e mobilidade urbana geridos pela pasta. O governo quer que empresas adotem critérios ESG para a execução de seus empreendimentos.

MONEY TALKS: extremos climáticos já afetam soja e pecuária

MONEY REPORT conversou com a dupla de pesquisadores Gesner Oliveira e Artur Ferreira, da Fundação Getúlio Vargas (FGV). Ambos se dedicam ao campo ainda pouco conhecido da economia do meio ambiente. Na esteira do último relatório do painel climático das Nações Unidas (IPCC), eles falam como os efeitos do aquecimento global podem afetar de forma extremamente agressiva o agronegócio brasileiro, em especial a soja e a pecuária no Cerrado. A dupla também cita a grave e ignorada questão das terras degradadas para trazer um alento. Parte das soluções possíveis estão no Brasil.

_____________________________________________________

Informe Publicitário

____________________________________________________

Hidrogênio verde é solução para descarbonizar aço

O hidrogênio produzido a partir de energia limpa será uma das maneiras mais eficientes para reduzir as emissões de gases de efeito estufa na produção de aço, substituindo de vez o carvão e o gás natural. Este objetivo ambiental a ser alcançado até 2050 exigirá novas usinas. Em Lulea (imagem), na Suécia, está em operação desde setembro uma siderúrgica da LKAB que produz aço sem combustíveis fósseis. O projeto Hybrit é uma parceria com a SSAB, dona da tecnologia, e a concessionária de energia Vattenfall.

_______________________________________________________________

Informe Publicitário

____________________________________________________________

Philip Morris quer menos cigarro e mais ESG

A gigante do tabaco pretende aproveitar a expansão das finanças sustentáveis para emitir títulos de dívida mediante a promessa de ficar menos dependente das vendas de cigarros. A empresa se comprometeria a pagar multa aos credores se ficar aquém do prometido, estabelecendo um novo patamar para os objetivos de desenvolvimento sustentável.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.