Document
PATROCINADORES

Volume de serviços cai 4% em março, com piora da pandemia

O IBGE divulgou nesta quarta-feira (12) que o volume de serviços caiu 4% em março frente a fevereiro, na série com ajuste sazonal. O resultado foi influenciado diretamente pelo recrudescimento da pandemia do novo coronavírus e a retomada de regras mais rígidas de distanciamento social. Em relação ao mesmo mês de 2020, sem ajuste sazonal, o setor avançou 4,5%. O resultado reverte uma série de doze taxas negativas seguidas nesta comparação. No acumulado do ano, o volume de serviços recuou 0,8% ante igual período do ano passado. A taxa acumulada nos últimos 12 meses ficou em uma retração de 8%.

Conforme o IBGE, a contração do setor na passagem de fevereiro para março foi acompanhada por três das cinco atividades apuradas, com destaque para serviços prestados às famílias (-27%). Os demais resultados negativos vieram de transportes, serviços auxiliares aos transportes e correio (-1,9%) e de profissionais, administrativos e complementares (-1,4%). Por outro lado, os únicos avanços do mês ficaram com os setores de informação e comunicação (1,9%) e de outros serviços (3,7%). Veja o quadro completo:

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.