PATROCINADORES

Temer sanciona reajuste de salários; ministro Fux retira auxílio-moradia

O ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF), revogou nesta segunda-feira (26) o auxílio-moradia para integrantes do poder Judiciário. A decisão de Fux vem após o presidente Michel Temer (MDB) sancionar o aumento de cerca de 16% nos salários da Corte, elevando de R$ 33,700 mil para R$ 39,200 mil. Após o STF incluir o reajuste na proposta orçamentária da Corte, em agosto deste ano, a pauta foi aprovada no Senado, no último dia 7 de novembro.

Por que é importante

O reajuste aprovado pelo presidente Michel Temer gera efeito cascata e aumenta os valores pagos aos integrantes do Ministério Público, Defensorias Públicas, Procuradorias e Tribunais de Contas do país

Quem ganha

Os integrantes do poder Judiciário, que terão os salários reajustados

Quem perde

Os cofres da União. Mesmo com o fim do auxílio-moradia, o reajuste terá impacto de R$ 6 bilhões nas contas públicas

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

2 respostas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezessete + dezessete =

Pergunte para a

Mônica.