Document
PATROCINADORES

Surgem os primeiros efeitos do Brexit nos negócios

A saída do Reino Unido da União Europeia (UE), o Brexit, ocorreu há 150 dias e ainda é difícil mensurar claramente seus efeitos na economia e no cotidiano dos britânicos, mas algumas mudanças já podem ser observadas, apontou a BBC News nesta segunda-feira (31).

  • Compras pela internet: consumidores percebem que as compras on-line em lojas da UE estão mais caras. Nem todas as taxas estão cobertas pelo acordo que foi estabelecido. O Imposto sobre Valor Agregado (IVA), que incide sobre vendas, sempre foi exigido para produtos da União Europeia, mas mudou desde o Brexit. O que vale agora é a taxa local de IVA, que pode ser mais cara;
  • Burocracia empresarial: as empresas tiveram que se adaptar às novas regras aduaneiras com a UE. Quem atua com vendas para clientes nos antigos países do bloco agora sofre apertos do fisco e sobretaxação para os clientes.

Em 12 de abril, as Câmaras de Comércio do Reino Unido divulgaram uma pesquisa realizada com 2,9 mil exportadores britânicos, que mostrou que 41% das empresas registram queda nas exportaçôes no primeiro tri. As causas citadas foram o Brexit e o impacto da pandemia.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.