Document
PATROCINADORES

Recuperação do setor de serviços avança com as flexibilizações

O Índice de Confiança de Serviços (ICS) subiu 1,3 ponto em agosto, para 99,3 pontos, maior nível desde setembro de 2013 (101,5 pontos), informa nesta segunda-feira (30) o Instituto Brasileiro de Economia da FGV (FGV IBRE). Em médias móveis trimestrais, o índice avançou 3,7 pontos, na quarta alta seguida.

“A confiança do setor de serviços avançou pelo quinto mês consecutivo consolidando em patamar acima do nível pré pandemia e próximo ao nível neutro. Ao contrário do que foi observado nos últimos meses, a alta foi mais influenciada pela melhora no volume de serviços no mês, enquanto as expectativas ficaram estáveis. Essa combinação sugere que a recuperação do setor vem avançando em paralelo às flexibilizações na pandemia. Vale ressaltar que o cenário para os próximos meses ainda depende da recuperação da confiança do consumidor e carrega muita incerteza, especialmente associados aos riscos da variante delta.”, avaliou Rodolpho Tobler, economista do FGV IBRE.

O resultado do ICS deste mês foi influenciado principalmente pelo Índice de Situação Atual (ISA-S) subiu 2,6 pontos, para 93,0 pontos, maior nível desde junho de 2014 (94,3 pontos). O Índice de Expectativas (IE-S) variou 0,1 ponto, para 105,7 pontos, mantendo-se no patamar mais alto desde novembro de 2012 (106,2 pontos). 

Nos últimos meses, a confiança de serviços vem avançando de maneira significativa conseguindo superar o nível pré pandemia. Seguindo a mesma tendência, o saldo do emprego previsto tem dado sinais de continuidade da recuperação com resultados positivos (em médias móveis trimestrais) pelo terceiro mês consecutivo . O saldo corresponde ao percentual das empresas que planejam aumentar seu quadro de funcionários nos próximos meses descontado do percentual de empresários que planejam reduzir. Em agosto, o saldo atingiu 10,4 pontos, maior resultado desde maio de 2014 (10,5 pontos).

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.