Document
PATROCINADORES

Presidente do Porto de Santos explica as movimentações recordes

Algumas felizes conjunções permitiram que o Porto de Santos acumulasse um desempenho extraordinário em um ano péssimo para a economia. Os investimentos anteriores em infraestrutura e gestão da Santos Port Authority (SPA), a antiga Codesp, e também de seus parceiros, permitiram atingir em 2020 recordes seguidos na movimentação de cargas, em especial as exportações, favorecidas pelo desequilíbrio do câmbio e uma supersafra de grãos. Presidente da SPA, Fernando Biral explicou o que é feito no principal ponto de embarque de produtos e commodities do Brasil. Em 2020, a movimentação cresceu 10%, em relação ao ano anterior, e deve terminar o ano com um volume de 140 milhões de toneladas. O complexo soja teve uma alta de 20%, seguido de 17% para açúcar e 8% para carnes. Com um peso geral menor, o óleo combustível cresceu 45%. Para manter o ritmo, os investimentos devem continuar. “Para destravar o porto, vamos investir em acessos e novos terminais”, diz Biral, citando os futuros viadutos ferroviários para desimpedir o tráfego de trens e caminhões, trabalhos de dragagem do canal e o novo terminal da exportação de celulose que ocupará um antigo e ineficiente pátio de contêineres.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.