PATROCINADORES

Poupança tem maior retirada líquida em fevereiro desde 2016

Aplicação financeira mais tradicional dos brasileiros, a caderneta de poupança teve retirada líquida de recursos pelo segundo mês seguido. Em fevereiro, segundo dados divulgados nesta quinta-feira (4) pelo Banco Central, os investidores sacaram R$ 5,83 bilhões a mais do que depositaram. Foi a maior registrada para meses de fevereiro desde 2016, quando o saldo de saques ficou em R$ 6,64 bilhões a mais do que depósitos. O movimento é comum para os primeiros meses do ano, tradicionalmente marcado pelo pagamento de impostos e despesas como material escolar, além de parcelamentos em razão das festividades de Natal e Ano Novo. O crescimento pode ser explicado também pelo fim do auxílio emergencial e o recrudescimento da pandemia.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

11 − 5 =

Pergunte para a

Mônica.