PATROCINADORES

No último balanço de Castello Branco, lucro da Petrobras dispara

A Petrobras superou três trimestres seguidos de prejuízos e informou na noite de quarta-feira (24) um lucro líquido de R$ 59,8 bilhões no quarto trimestre de 2020. O resultado representa um salto de mais de 600% na comparação com o mesmo período de 2019. O desempenho nos últimos três meses do ano, influenciado pela reversão de perdas contábeis no valor de ativos e por ganhos cambiais, contribuiu para que a petrolífera fechasse 2020 com lucro líquido de R$ 7,1 bilhões. Mesmo sendo 82,3% menor do que o lucro observado um ano antes, o rendimento superou as expectativas do mercado. O atual balanço trimestral foi o último da gestão Roberto Castello Branco. Depois de ser fritado e virar alvo de severas críticas do presidente Jair Bolsonaro, Castello Branco destacou em sua mensagem que, apesar do ano desafiador em razão da pandemia do novo coronavírus, a companhia entregou o que havia prometido. “Estou muito feliz em apresentar o relatório de desempenho da Petrobras em 2020, com uma performance excepcional em um ambiente muito desafiador. Em meio à severa recessão global e aos efeitos de um grande choque na indústria de petróleo, nós prometemos estruturar uma recuperação em J. A meta era sair da crise melhor que antes. Nós entregamos nossas promessas”, afirmou. A Petrobras anunciou também a distribuição de R$ 10,3 bilhões em dividendos, o equivalente a R$ 0,787446 por ação ordinária (com direito a voto) e preferencial (sem direito a voto) em circulação, com base no desempenho da companhia em 2020.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

5 + 15 =

Pergunte para a

Mônica.