Document
PATROCINADORES

Mercado reduz projeções para inflação, juros e dólar

Os economistas das instituições financeiras reduziram a previsão para inflação (IPCA) no final de 2019 de 4% para 3,94%. A expectativa para o crescimento do PIB no ano permaneceu em 2,5%. A perspectiva do mercado é de que a taxa básica de juros (Selic) seja mantida em 6,50% ao ano. Até então, os analistas dos bancos vinham estimando alta para 7% ao ano. A cotação do dólar caiu de R$ 3,75 para R$ 3,70. As informações constam no boletim Focus divulgado nesta segunda-feira (4) pelo Banco Central.

Por que é importante

A apresentação da proposta da reforma da Previdência nos próximos dias deve influenciar a avaliação dos investidores. Se o texto for bem recebido, a tendência é que o mercado melhore as perspectivas sobre os rumos da economia brasileira em 2019

Quem ganha

A queda do dólar beneficia importadoras e brasileiros com viagem marcada para o exterior

Quem perde

O investimento direto no país, que deve cair de US$ 80 bilhões para US$ 79,5 bilhões

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.