PATROCINADORES

Mercado projeta inflação maior e vê alta menor do PIB

Os economistas das instituições financeiras aumentaram a projeção para a inflação (IPCA) no final de 2019 de 3,87% para 3,89%. A perspectiva para o crescimento do PIB neste ano foi reduzida de 2,28% para 2,01%. A expectativa do mercado é de que a taxa básica de juros (Selic) seja mantida em 6,50% ao ano. Já a estimativa para a cotação do dólar em 2019 ficou em R$ 3,70. As informações constam no boletim Focus divulgado nesta segunda-feira (18) pelo Banco Central.

Por que é importante

O cenário econômico tende a melhorar, com projeções mais otimistas, com uma rápida tramitação da reforma da Previdência no Congresso e caso a proposta encaminhada pelo governo não seja muito desidratada pelos parlamentares

Quem ganha

Donos de imóveis. A estimativa para o IGP-M, utilizado como referência para o reajuste do aluguel, subiu pela quinta semana seguida: de 4,50% para 4,67%

Quem perde

A perspectiva de crescimento da produção industrial no ano, que caiu de 2,80% para 2,57%

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

treze − 1 =

Pergunte para a

Mônica.