PATROCINADORES

Justiça suspende demissões de fábrica da Caoa Chery

Decisão foi após solicitação de sindicato local após a empresa decidir fechar a planta até 2023

O juiz Lucas Cilli Horta, da 2ª Vara do Trabalho de Jacareí (SP), concedeu liminar na última sexta-feira (27) onde suspende as 446 demissões de funcionários da fábrica da Caoa Chery com a alegação de que as dispensas necessitam de uma negociação prévia, diante do impacto causado. A informação foi divulgada pelo sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos, que solicitou a liminar.

A Caoa decidiu fechar a fábrica até 2025, a fim de se preparar para produzir apenas carros elétricos e híbridos. Em contrapartida, a empresa propôs o pagamento de até 15 salários aos demitidos, porém o sindicato quer um programa play-off (suspensão temporária de contratos).

Compartilhe

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Pergunte para a

Mônica.

©2017-2020 Money Report. Todos os direitos reservados. Money Report preza a qualidade da informação e atesta a apuração de todo o conteúdo produzido por sua equipe.