Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Top

Nenhum comentário

Infraestrutura conclui pacote de redução de tributos para atrair estrangeiros

Infraestrutura conclui pacote de redução de tributos para atrair estrangeiros

O ministério de Infraestrutura acertou os últimos detalhes de um pacote de medidas para reduzir custos  para as companhias aéreas e, assim, convencer as empresas estrangeiras do setor a se instalarem no país. As medidas, que entrarão em vigor em janeiro de 2021, devem zerar tributos federais sobre o combustível de aviação (gasolina e querosene) e acabar com o adicional da tarifa de embarque em voos internacionais. Por meio de um decreto, o governo acabará com a incidência de PIS e Cofins sobre o querosene de aviação e da Cide (Contribuição de Intervenção no Domínio Econômico) sobre a gasolina de aviação (usada na aviação regional). Uma medida provisória vai por fim à  cobrança do adicional da tarifa de embarques internacionais. O ministro de Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, ainda pretende conversar com o Congresso antes de enviar a minuta para o presidente Jair Bolsonaro. A MP seria editada também até março, revogando a legislação vigente a partir de janeiro de 2021.


Envie seu comentário

12 − 2 =