PATROCINADORES

Inflação encerra 2019 em 4,31%, aponta IBGE

O IBGE divulgou nesta sexta-feira (10) que Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), que mede a inflação oficial no país, ficou em 4,31% em 2019. O resultado superou os 3,75% de 2018 e ficou levemente acima do centro da meta definida pelo Banco Central de 4,25% no ano, mas dentro do limite de variação de 1,5 ponto percentual para cima ou para baixo.

Dos nove grupos de despesa pesquisados, apenas artigos de residência tiveram deflação (-0,36%) em 2019. Os demais grupos apresentaram os seguintes índices de inflação: alimentação e bebidas (6,37%), habitação (3,9%), vestuário (0,74%), transportes (3,57%), saúde e cuidados pessoais (5,41%), despesas pessoais (4,67%), educação (4,75%) e comunicação (1,07%).

Entre as regiões metropolitanas e capitais pesquisadas pelo IBGE, Belém acumulou maior inflação no ano passado (5,51%), seguida por Fortaleza (5,01%), Campo Grande (4,65%), São Paulo (4,60%) e Goiânia (4,37%), todas acima da média nacional. A menor taxa de inflação foi observada em Vitória (3,29%). Os outros menores índices foram registrados no Recife (3,71%), em Brasília (3,76%), Rio Branco (3,82%) e Salvador (3,93%).

O IBGE também divulgou o resultado de dezembro. Puxado novamente pelo preço das carnes, o IPCA foi de 1,15%, acima dos 0,51% de novembro. Foi o maior índice para o mês desde 2002, quando a inflação ficou em 2,10%.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.