Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Top

Nenhum comentário

Indicador antecedente de emprego sobe após quatro quedas seguidas

Indicador antecedente de emprego sobe após quatro quedas seguidas

A Fundação Getulio Vargas (FGV) divulgou nesta terça-feira (9) que o Indicador Antecedente de Emprego (IAEmp) subiu 0,8 ponto em junho, para 86,6 pontos – em uma escala de zero a 200 pontos. Foi a primeira alta após quatro quedas consecutivas. Apesar do sinal positivo, o cenário do mercado de trabalho para os próximos meses ainda é de cautela. “Para uma recuperação mais consistente e robusta é necessária uma melhora mais expressiva da atividade econômica e de redução dos níveis de incerteza”, destacou Rodolpho Tobler, economista da FGV IBRE.

Por que é importante
O Indicador Antecedente de Emprego da FGV tenta antecipar os rumos do mercado de trabalho no país
Quem ganha
A defesa do avanço de pautas reformistas, que melhoram o ambiente de negócios e estimulam novas contratações
Quem perde
Projetos populistas e intervencionistas, que abalam a confiança dos empresários e afetam a recuperação do mercado de trabalho

Envie seu comentário

20 − 10 =