Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Top

Nenhum comentário

IBGE: Taxa de desocupação sobe para 13,1% no 1º trimestre

IBGE: Taxa de desocupação sobe para 13,1% no 1º trimestre

O IBGE divulgou nesta quinta-feira (17) que a taxa de desocupação no Brasil subiu para 13,1% no primeiro trimestre de 2018 – atingindo cerca de 13,7 milhões de pessoas. O indicador cresceu 1,3 ponto percentual em relação ao último trimestre de 2017 (11,8%) e caiu 0,6 ponto percentual comparado com o mesmo trimestre (13,7%) do ano passado. Os dados da Pnad Contínua Trimestral mostram ainda que o nível da ocupação foi estimado em 53,6% (90,6 milhões de pessoas) nos três primeiros meses do ano, o que representa uma redução de 0,9 ponto percentual ante o último trimestre de 2017 (54,5%) e uma expansão de 0,5 ponto percentual na comparação com o primeiro trimestre do ano passado (53,1%). O rendimento médio do trabalhador brasileiro foi estimado em R$ 2.169. Houve estabilidade tanto em relação ao trimestre imediatamente anterior (R$ 2.173) como em relação ao mesmo trimestre do ano anterior (R$ 2.169).

Por que é importante
Os dados do mercado de trabalho ainda não refletem os sinais da retomada da economia, como a inflação baixa e a queda dos juros. Ajudar a entender também o fato de o PIB brasileiro estar crescendo em um ritmo mais lento do que o esperado
Quem ganha
As regiões Sul (58,6%) e Centro-Oeste (58,3%) apresentaram os maiores percentuais de pessoas ocupadas
Quem perde
O Nordeste, que apresentou as maior taxa de desocupação (15,9%)

Envie seu comentário

quatro × 5 =