Document
PATROCINADORES

Guedes chama Marinho de “desleal” após supostas críticas

Um novo episódio de atrito entre os ministros Rogério Marinho (Desenvolvimento Regional) e Paulo Guedes (Economia), registrado na sexta-feira (3), reforça a percepção de que o governo é responsável por criar suas próprias crises. Segundo o Broadcast, serviço de notícias do Estadão, Marinho teria criticado Guedes em uma conferência fechada com agentes do mercado. Entre as falas, Marinho sugeriu que a equipe econômica estaria “desgovernada” e afirmou que teria sido ideia de Guedes usar recursos do Fundeb e de precatórios no Renda Cidadã. Ao ser questionado posteriormente, o ministro da Economia disse não acreditar que o colega teria feito comentários negativos contra ele. Guedes, porém, não hesitou em rebater Marinho. “Eu espero que ele não tenha falado nada de mal. Eu espero que ele não tenha falado nada de mal. Eu vou subir e depois eu desço e explico o que está acontecendo. Eu não acredito que ele tenha falado isso. Eu realmente não acredito que ele tenha falado mal de mim”, declarou. “Agora se falou, falou que está querendo furar teto, falou de precatório, quando eu descer eu explico tudo para vocês, tudo que está acontecendo. Se falou já pode saber: é despreparado, é desleal e confirmou que é um fura-teto, mas eu não acredito que tenha falado”, completou Guedes. Diante da repercussão do conflito, Marinho argumentou que as informações sobre a reunião chegaram à imprensa “de maneira distorcida” e que em nenhum momento “foram feitas desqualificações ou adjetivações de qualquer natureza contra agentes públicos.”

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.