Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Top

Nenhum comentário

Guedes apoia deputados na aprovação da PEC da regra de ouro

Guedes apoia deputados na aprovação da PEC da regra de ouro

O ministro da Economia, Paulo Guedes, apoiará a tramitação da PEC da Regra de Ouro (438/18), segundo informaram os deputados Pedro Paulo (DEM-RJ) e Felipe Rigoni (PSB-ES), relatores da proposta, nesta quarta-feira (11).

A PEC quer acionar gatilhos para reduzir despesas obrigatórias, em situações em que a regra de ouro esteja ameaçada. Com o apoio de Guedes, o intuito é acelerar a tramitação da PEC na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ). Os deputados receberam ajuda de 25 técnicos do governo para aprimorar o texto da PEC.

“Guedes está absolutamente convencido dos efeitos positivos da PEC e da urgência dela”, afirmou Pedro Paulo.

De acordo com Rigoni, a PEC deve liberar até R$ 102 bilhões, em despesas discricionárias, no orçamento de 2020. Entre os gatilhos propostos estão: redução da jornada de servidores e empregados públicos, suspensão de repasse de recursos ao PIS/Pasep e BNDES, redução de cargos de comissionados, e corte de até 20% nos gastos com publicidade e propaganda.

Atualmente, o Orçamento Público apresenta insuficiência de R$ 248,9 bilhões. Para cumprir a regra de ouro, o governo precisará emitir mais títulos de dívida pública.

Envie seu comentário