PATROCINADORES

Governo prepara pacote de socorro a estados endividados

O governo Jair Bolsonaro irá disponibilizar cerca de R$ 40 bilhões a estados da federação que passam sufoco financeiro para pagar o funcionalismo público e fornecedores. Em troca, os governadores que se beneficiarem com o socorro da União terão que se comprometer com planos de privatizações. O Programa de Equilíbrio Fiscal (PEF) não irá transferir diretamente os recursos para os estados, mas deve criar condições favoráveis para que os governos possam tomar empréstimos no mercado tendo a União como fiadora. Na prática, em caso de calote, o governo federal arcará com a dívida. 

Por que é importante

Não é a primeira vez que a União socorre os estados. Em 2016, o então presidente Michel Temer concedeu R$ 50 bilhões aos governadores. Dos 19 que se comprometeram com os recursos, dez já não têm condições de pagar

Quem ganha

Os estados do país

Quem perde

Os cofres da União

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

9 + 18 =

Pergunte para a

Mônica.