PATROCINADORES

Venda de distribuidoras da Eletrobras é autorizada

O Tribunal Regional do Trabalho da 1ª Região (TRT1) suspendeu nesta segunda-feira (11) a liminar que impedia a venda de seis distribuidoras da Eletrobras. A liminar havia sido determinada na semana passada pela 49ª Vara do Trabalho do Rio de Janeiro no âmbito de uma ação civil pública movida por sindicatos de trabalhadores. Ela era válida até que fosse apresentado estudo sobre o impacto da privatização nos contratos de trabalho das distribuidoras.

Por que é importante

A Advocacia-Geral da União argumentou que se a venda dessas empresas não fosse feita até o dia 31 de julho deste ano, a Eletrobras seria obrigada "a liquidar as distribuidoras, o que será muito mais prejudicial aos empregados"

Quem ganha

A AGU e a Eletrobras

Quem perde

Os sindicatos que entraram com a ação

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

15 + 13 =

Pergunte para a

Mônica.