PATROCINADORES

Falta de talentos pode travar crescimento de empresas no país

Levantamento feito pela empresa de recursos humanos Korn Ferry mostra que o Brasil tem um déficit de mão de obra especializada e que o cenário pode limitar o crescimento das companhias nos próximos anos. Conforme o estudo, divulgado nesta segunda-feira (25) pelo Estadão, o número de vagas abertas ou preenchidas por pessoas com qualificação abaixo da ideal chegará a 1,8 milhão em 2020 e pode alcançar 5,7 milhões de postos até 2030 se não houver uma mudança significativa. A estimativa é que as empresas brasileiras deixarão de faturar cerca de R$ 183 bilhões até o ano que vem por conta da carência. Três setores são os mais afetados pela limitação de talentos: tecnologia, mídia e telecomunicações; negócios e serviços bancários; e manufaturas. A pesquisa aponta ainda que a falta de profissionais qualificados e a alta de demanda das organizações cria um quadro de desequilíbrio no mercado, como o aumento excessivo de salários e de programas de benefício.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.