PATROCINADORES

Expectativas melhoram, mas confiança de serviços tem leve recuo em janeiro

O Índice de Confiança de Serviços (ICS), divulgado nesta quinta-feira (30) pela Fundação Getulio Vargas, variou -0,1 ponto em janeiro, para 96,1 pontos – em uma escala de zero a 200 pontos. Foi o primeiro resultado negativo após duas altas consecutivas. Em médias móveis trimestrais, o índice avançou 0,7 ponto, mantendo a tendência ascendente iniciada em julho do ano passado. Segundo Rodolpho Tobler, economista da FGV IBRE, a ligeira queda do indicador no mês foi decorrente de resultados distintos de seus dois componentes.

“O Índice da Situação Atual recuou enquanto o Índice de Expectativas avançou, ultrapassando a marca de neutralidade (100 pontos). A combinação desses resultados sugere continuidade da recuperação do setor, mas ainda em ritmo lento e gradual”, avaliou.

O Índice de Situação Atual (ISA-S) caiu 1,4 ponto, passando a 91,5 pontos, menor nível desde setembro de 2019 (90,2 pontos). Já o Índice de Expectativas (IE-S) subiu 1,2 ponto, para 100,9 pontos, o maior valor desde janeiro de 2019 (104,6 pontos).


Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.