Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Top

Nenhum comentário

Expectativas melhoram, mas confiança de serviços tem leve recuo em janeiro

Expectativas melhoram, mas confiança de serviços tem leve recuo em janeiro

O Índice de Confiança de Serviços (ICS), divulgado nesta quinta-feira (30) pela Fundação Getulio Vargas, variou -0,1 ponto em janeiro, para 96,1 pontos – em uma escala de zero a 200 pontos. Foi o primeiro resultado negativo após duas altas consecutivas. Em médias móveis trimestrais, o índice avançou 0,7 ponto, mantendo a tendência ascendente iniciada em julho do ano passado. Segundo Rodolpho Tobler, economista da FGV IBRE, a ligeira queda do indicador no mês foi decorrente de resultados distintos de seus dois componentes.

“O Índice da Situação Atual recuou enquanto o Índice de Expectativas avançou, ultrapassando a marca de neutralidade (100 pontos). A combinação desses resultados sugere continuidade da recuperação do setor, mas ainda em ritmo lento e gradual”, avaliou.

O Índice de Situação Atual (ISA-S) caiu 1,4 ponto, passando a 91,5 pontos, menor nível desde setembro de 2019 (90,2 pontos). Já o Índice de Expectativas (IE-S) subiu 1,2 ponto, para 100,9 pontos, o maior valor desde janeiro de 2019 (104,6 pontos).


Envie seu comentário

18 − catorze =