PATROCINADORES

Exemplo de caminhoneiros pode ser seguido por outras categorias

Depois dos caminhoneiros, taxistas, motoboys e motoristas de vans podem paralisar atividades. Os motoboys estudam parar no dia 29, segundo a Folha de S. Paulo. Os taxistas ameaçam aderir. Motoristas de van tinham anunciado paralisação para o dia 30. Com o “sucesso” da paralisação dos motoristas de ônibus, avaliam se há algum motivo para protesto.

Por que é importante

Greves são um direito constitucional. Mas paralisar atividades que prejudicam todo o país passa a ser um desserviço ao Brasil, e criam a percepção de todos podem seguir o exemplo, sem pensar nas consequências

Quem ganha

O corporativismo

Quem perde

Todos

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 × 5 =

Pergunte para a

Mônica.