Document
PATROCINADORES

Estudo defende aumento do investimento privado em infraestrutura

Um estudo da consultoria Inter.B mostrou que o Brasil investiu,  nos anos 2000, cerca de 2% do PIB em infraestrutura, ou seja, logística, telecomunicações, saneamento, eletricidade, etc — quando o ideal seria mais do que o dobro, 4,15%. No ano passado, o investimento na área foi de 1,82% e, nesse ano, deve fechar em 1,87%.

A restrição fiscal é um dos grandes obstáculos ao baixo número. Em 2010, os governos investiam 1,26% do PIB em infraestrutura. Neste ano, deve investir 0,65% — o resto, 1,22%, será bancado pela iniciativa privada. Por isso, o estudo defende o incentivo à maior participação do setor privado. “Apostar no setor privado não é ideologia, é pragmatismo”, diz o presidente d Inter.B, Claudio Frischtak. “O que o governo deve fazer é avançar no arcabouço regulatório.” As informações são da Folha de S. Paulo.

Por que é importante

Melhorar a infraestrutura resulta em aumento de produtividade da economia brasileira e, portanto, uma medida fundamental

Quem ganha

Os donos da infraestrutura existente, que podem cobrar mais caro pelo seu uso. As tarifas aeroportuárias brasileiras são caras por conta da baixa competição no setor

Quem perde

A indústria e o agronegócio, principalmente, que têm problemas para escoar a produção

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Uma resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pergunte para a

Mônica.