PATROCINADORES

Eduardo Bolsonaro teria admitido dificuldades em aprovar Reforma da Previdência

O jornal O Estado de S. Paulo publicou na madrugada desta quarta-feira (28) que Eduardo Bolsonaro, filho do presidente eleito, teria admitido a investidores e empresários estrangeiros que o governo do pai pode encontrar sérias dificuldades em aprovar a Reforma da Previdência. A declaração teria ocorrido em um almoço organizado pelo Conselho Empresarial Brasil-Estados Unidos em Washington, capital americana. “Será difícil, será uma briga, talvez não consigamos fazer, mas faremos o nosso melhor”, teria dito o deputado federal reeleito pelo PSL. Em seu Twitter, ele usou a manchete reproduzida pelo Antagonista para negar a afirmação (leia mais abaixo):

Por que é importante

A reforma é indispensável para o Brasil realizar seu ajuste fiscal e voltar a crescer

Quem ganha

Setores corporativistas que se opõem à Reforma da Previdência

Quem perde

O próprio governo eleito, que defende mudanças nas regras previdenciárias

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

oito + nove =

Pergunte para a

Mônica.