PATROCINADORES

Economistas lançam “Carta Brasil”, com propostas para Bolsonaro

Um grupo importante de economistas lançou nesta segunda-feira (12), no Rio de Janeiro, a “Carta Brasil”, com uma série de diretrizes e propostas para o país retomar o crescimento econômico de forma robusta. Entre as medidas defendidas, destaque para Reforma da Previdência, autonomia do Banco Central, abertura comercial e privatizações na agenda econômica. Assinada por nomes como Alexandre Schwartsman, Ana Carla Abrão, Bernard Appy, Elena Landau, Samuel Pêssoa e Silvia Matos, a carta também elenca propostas para reduzir a pobreza e promover um desenvolvimento sustentável, combatendo o desmatamento e atuando em prol da preservação de terras indígenas. O grupo pretende apresentar as diretrizes para Paulo Guedes, que será ministro da Fazenda do presidente eleito Jair Bolsonaro.

Por que é importante

A Carta Brasil reúne uma série de propostas que são consenso entre os principais economistas do país. Para implantá-la, é necessário ter coragem e vontade política

Quem ganha

O futuro governo Bolsonaro, que pode aproveitar algumas propostas elaboradas pelo grupo

Quem perde

Economistas a favor de políticas heterodoxas e grupos céticos em relação à ideia de desenvolvimento sustentável

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

três + 8 =

Pergunte para a

Mônica.