PATROCINADORES

Construção e infraestrutura devem movimentar perto de R$ 1 tri em cinco anos

Um estudo divulgado nesta segunda-feira (22) pela Neoway, empresa de Big Data Analytics e Inteligência Artificial, aponta que o Brasil totaliza investimentos de R$ 961,5 bilhões em infraestrutura e construção civil previstos para os próximos cinco anos (2021-2026). A sondagem da consultoria monitora a evolução do mercado em todas as suas fases, incluindo as obras que ainda não entraram em processo de licitação. O levantamento indica que obras em estágio de projeto ou intenção somam R$ 871,9 bilhões, o que representa um crescimento de 14% em em relação ao relatório de 2020, que contemplou o período de 2020 a 2025. O investimento em obras paralisadas ou em andamento será de R$ 89,6 bilhões, cifra 17,6% superior ao diagnóstico anterior. “Apesar de 2020 ter sido difícil economicamente, o segmento de construção civil e infraestrutura manteve uma constância. Foram anunciados diversos projetos, assegurando a tendência de crescimento para os próximos anos. O destaque é para o setor energético que lançou o Plano Nacional de Energia 2050. Aliás, os movimentos reforçam a consolidação da energia eólica como tendência para o país”, destacou Jamila Rainha, gerente de produtos da Neoway. Ainda segundo o estudo, os estados com mais investimentos em obras já em andamento são Rio de Janeiro (28%), São Paulo (23%), Paraná (6,5%), Minas Gerais (6,2%) e Santa Catarina (6,1%). Especificamente sobre obras ainda em fase de projeto e intenção, São Paulo (12,9%), Minas Gerais (11,6%), Pará (11,4%), Pernambuco (9,3%) e Rio de Janeiro (5,7%), despontam.

Compartilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 − 2 =

Pergunte para a

Mônica.