Image Image Image Image Image Image Image Image Image Image
Scroll to top

Top

Nenhum comentário

Confiança de serviços atinge o maior nível desde 2014, diz FGV

Confiança de serviços atinge o maior nível desde 2014, diz FGV

O setor de serviços atingiu seu maior nível de confiança desde março de 2014, segundo a Fundação Getulio Vargas (FGV). Divulgado nesta quarta-feira (30), o Índice de Confiança de Serviços (ICS) subiu 3,6 pontos em janeiro, chegando aos 98,2 pontos – melhor resultado desde o terceiro mês de 2014, quando o ICS registrou 98,7 pontos. O avanço foi puxado, sobretudo, pela alta de 6,2 pontos no Índice de Expectativas, que mede a percepção do setor para os próximos meses. Por outro lado, o Índice de Situação Atual, que analisa as impressões para o presente, subiu apenas 0,8 ponto. “A Sondagem de janeiro confirma a melhora na percepção das empresas de serviços em relação ao ambiente de negócios. Essa reação, no entanto, permanece apoiada nas expectativas, ficando as avaliações da situação corrente com desempenho positivo, mas ainda muito discreto”, analisa Silvio Sales, da FGV.

Por que é importante
Os índices de confiança elaborados pela FGV funcionam como um termômetro sobre as impressões e expectativas dos diferentes setores da economia
Quem ganha
Dentro do Índice de Expectativas, o indicador que mede a tendência dos negócios para os próximos seis meses se destacou, com avanço de 7,8 pontos
Quem perde
A subida discreta no Índice de Situação Atual demonstra que o setor de serviços ainda está cauteloso diante do cenário econômico

Envie seu comentário

12 − seis =